antes

2
13:22

Arrumei uma mesa, num bar decente, ambiente à meia luz. O garçom não nos vira. Sentamos e nos encaramos durante muito tempo. A luz fraca incomodava um pouco os olhos.

O que havia antes de nós? - perguntei.

O que havia antes de. - respondeu depois de pensar um pouco.

Sobre o autor

Kauê Vargas Sitó, tenho 22 anos e sou natural de Alegrete-RS. Sou escritor, compositor, blogueiro, músico, pseuudoprogramador e entusiasta da web. Atualmente moro em Porto Alegre e estudo na UFRGS.

2 comentários:

Anônimo disse...

Bah cara, sinceramente, li quase todas essas tuas "dizidas"! Tu além de te repetir muito, é muito sem graça, comum e chato! Desculpa a sinceridade....Nos surpreenda da próxima vez!

Primeiramente, muito obrigado, Anônimo, pelo tempo dispensado a ler as minhas "dizidas" (pois, como bem definiste, não são nada mais que isso). Em segundo lugar, isso pode chocar algumas pessoas: nunca tive a pretensão de não me repetir, não ser sem graça, comum ou chato. Escrevo mais pelo gosto do que por talento.

Quem sabe, da próxima vez possamos marcar um café (no Antônio?) e discutir sobre alternativas para surpreender o leitor. Um grande abraço, colega.