fotografia

0
15:10
Gosto de fins de tarde no teu rosto
da luz estourada num plano americano
e de decupar na forma adequada
cidades em desalinho,
mapas de colcha de pano,
desencontros de rodoviárias,
quilômetros,
isômeros,
isomorfos e díspares,
pares ou ímpares.
Gosto dos beijos assim
temerosos numa distância de dois dedos
E então os lábios
e então as línguas
e talvez os dentes
entremente, taquicárdico
como alegoria de inferno

Gosto de ficar sentado
sem almejar o eterno.

Sobre o autor

Kauê Vargas Sitó, tenho 22 anos e sou natural de Alegrete-RS. Sou escritor, compositor, blogueiro, músico, pseuudoprogramador e entusiasta da web. Atualmente moro em Porto Alegre e estudo na UFRGS.

0 comentários: